Header Ads

Music Valley, o novo palco do Rock In Rio Lisboa


Capitão Fausto, Carlão, Carolina Deslandes, HMB, Manel Cruz, Anavitória, Língua Franca com Sara Tavares e Blaya são alguns dos nomes que vão subir ao palco do Music Valley.


O Music Valley é uma das novas novidades da edição de 2018 do Rock in Rio Lisboa. O palco non-stop, cujo nome é inspirado na própria arquitetura natural do Parque da Bela Vista, em Lisboa, vai contar com 14 horas de música - das 12h00 às 02h00 - por dia e uma programação diversa, com espaço para as Somersby pool parties, passando por concertos e, ainda, festas de música eletrónica.

A apresentação do novo espaço da Cidade do Rock aconteceu ao final da tarde desta terça-feira, 27 de fevereiro, num evento que contou com a atuação de alguns dos artistas que vão passar pelo Music Valley.

Carolina Deslandes, que atua a 23 de junho, abriu a conferência de imprensa no Capitólio, em Lisboa, com "A Vida Toda" e "Avião de Papel".

Além de Carolina Deslandes, Capitão Fausto, Carlão, Mishlawi, Da Chick, Manel Cruz e as Anavitória também prometem animar o novo palco do Rock in Rio Lisboa.

Os HMB também vão atuar no Music Valley, no dia 24 de junho. A banda também marcou presença no evento de apresentação do novo palco.

Quando a noite cair na Cidade do Rock, o Music Valley vai receber festas, que serão animados por vários DJ, como o DJ Vibe, Diego Miranda, Karetus, Deejay Kamala ou Vintage Culture. Moullinex, Da Chick, Mishlawi, Bispo também vão passar pelo palco.

Veja o cartaz completo:


"O Music Valley é o resultado deste momento de evolução criativa que o Rock in Rio vive, que Portugal vive. Vamos receber grandes nomes da música nacional, o que se está a dançar mais, o que se está a ouvir mais. E vamos ter muitas festas", explicou Roberta Medina ao SAPO Mag.

“O Music Valley é resultado do momento de inovação e ebulição criativa pelo qual estamos a passar – não só no Rock in Rio como, também, em Portugal. Criámos um palco que traz para a Cidade do Rock grandes nomes da cena atual da música nacional, e alguns convidados que têm vindo a interagir com a música portuguesa em diversos cenários e ocasiões”, acrescentou a vice-presidente executiva do Rock in Rio.

Para Zé Ricardo, diretor artístico do Music Valley, “este é um palco onde a música vai além da nossa imaginação" "É um palco que vai mexer com os nossos sentidos e com as nossas emoções, proporcionando momentos ‘de cortar a respiração’ – seja por tanto cantar, por tanto pular e dançar ou, simplesmente, pela energia contagiante que se vai viver neste vale", frisou.

"O que se vai viver na Cidade do Rock é, verdadeiramente, surpreendente e inédito. É a primeira vez que um festival traz para dentro de portas o conceito de festas, oferecendo ao público aquilo que ele já procura no seu dia-a-dia mas potenciando a experiência ao máximo, num ambiente incrível como é o Parque da Bela Vista", acrescentou Artur Peixoto, diretor artístico do Music Valley.




Sem comentários