Header Ads

Segunda Opinião | "Just Duet - O Manzarra será perfeito?"


João Manzarra é uma estrela em ascensão... Mas será a melhor aposta para este formato? 

Depois de “Agarra a Música” a estação de Carnaxide vai continuar a “dar música” aos portugueses, desta vez com “Just Duet - O Dueto Perfeito”, que estreia dia 9 de abril e que dará oportunidade a anónimos de cantar com os seus maiores ídolos. 

A mecânica do formato é simples mas a SIC apostou tudo nos seus jurados. A Paulo de Carvalho junta-se o seu filho Agir, a fadista Gisela João e Héber Marques, do grupo HMB. Todos estes elementos formam um grupo curioso, uma vez que não é habitual a sua presença neste tipo de programas. 

Os jurados de “Just Duet- O Dueto Perfeito” serão talvez a maior curiosidade do público. A interação do grupo vai ter um grande peso no sucesso ou fracasso do programa, visto que o seu conceito à partida não desperta grande curiosidade. Juntar famosos e anónimos já foi visto noutros programas, mas a verdade é que aqui a SIC promete maior interação entre as suas estrelas e o grupo de concorrentes.

Para comandar a festa a estação de Carnaxide escolheu João Manzarra, que nos últimos anos tem sido aposta frequente em grandes formatos, como o “Ídolos”, “Factor X”, “Vale Tudo” e até será o rosto dos “Globos de Ouro” este ano. O talento do apresentador é visível e a SIC tem-lhe dado muitas oportunidades, desmistificando também a ideia de que apenas as duplas fazem sucesso. 

João Manzarra é uma estrela em ascensão... Mas será a melhor aposta para este formato? A resposta será dada na estreia de “Just Duet”, mas avaliando o seu trajeto até aqui, o apresentador estará certamente à altura do desafio. João Manzarra é um dos apresentadores mais conhecidos e queridos da SIC, devido à sua personalidade descontraída e divertida mas também ao seu lado mais sério. Todos estes pontos encaixam muito bem na mecânica do talent show.

Olhando para os restantes rostos do canal 3, é possível reconhecer que existiam outras apostas possíveis. Não no leque dos “apresentadores principais” (Julia Pinheiro, João Baião, Rita Ferro Rodrigues, João Paulo Rodrigues ou Bárbara Guimarães), mas nos restantes. Temos um César Mourão afastado do ecrãs há bastante tempo e que, em conjunto com a Andreia Rodrigues (que está afastada depois do final de “Grande Tarde”), seriam uma boa aposta. Também Maria Botelho Moniz merecia a oportunidade de brilhar em horário nobre, pois já provou o seu talento enquanto profissional. 

“Just Duet- O Duelo Perfeito” vai estrear já para a semana, no horário nobre de domingo da SIC. Vai competir contra o “Pesadelo na Cozinha” e o “Got Talent Portugal”. Contudo, será que o objetivo principal da SIC deve ser roubar o público da concorrência ou atrair o que “fugiu” para o Cabo? Espera-se que este seja o formato perfeito para subir as audiências do canal.
 
 Segunda Opinião -  80ª Edição
Por Filipe Vilhena
 
Uma rubrica em parceria com o
http://diario-da-tv.blogspot.pt/
 

Sem comentários