Header Ads

Segunda Opinião | Got Talent Portugal

  
Got Talent Portugal está de volta à RTP para uma nova temporada, recheada de talento, surpresas e momentos de emoção. Temos também novos apresentadores e uma nova jurada, que de certa forma trazem uma lufada de ar fresco ao programa.

Em 2007, Sílvia Alberto apresentou Aqui Há Talento, a primeira adaptação do Got Talent em Portugal. Nessa altura, o formato chegou em modo low cost e passou despercebido à maioria dos espectadores. O talent show regressou depois na SIC com o nome Portugal tem Talento, desta vez com maior visibilidade e sucesso nas audiências.

De volta à RTP1 em 2015 com o nome Got Talent Portugal, o talent show renasceu e tornou-se num dos melhores programas produzidos atualmente, ficando ao lado de edições internacionais. Parte do sucesso deve-se à Freemantle, a produtora, que mesmo com as limitações orçamentais conseguiu fazer um excelente trabalho. O sucesso fica completo também pela estação pública, que voltou a apostar em grande no entretenimento e a mostrar que Portugal tem potencial. As primeiras emissões provaram que a uma realização competente, surge uma montagem que traz o ritmo certo ao programa.

Sílvia Alberto e Pedro Fernandes sucedem a Vanessa Oliveira e José Pedro Vasconcelos na condução do Got Talent Portugal". Na estreia, mostraram funcionar enquanto dupla e mais uma vez mostraram que merecem o lugar onde estão. À postura mais extrovertida e engraçada de Pedro Fernandes junta-se a beleza e serenidade de Sílvia, mostrando uma dupla equilibrada, onde ambos tem o seu espaço para brilhar. Foram duas excelentes aquisições para complementar o formato.

O painel de jurados surge desta vez reduzido. Das duas temporadas anteriores transitam Manuel Moura dos Santos e Pedro Tochas, que continuam a conquistar o público. Manuel perdeu a imagem de arrogante e passou a ser encarado como uma figura engraçada e carismática pelos comentários inusitados que faz. Já Tochas é visto como um jurado de grande equilíbrio, pois apesar do seu lado brincalhão este consegue mostrar sensibilidade nas atuações dos concorrentes.

 As cadeiras de Mariza e Sofia Escobar são agora ocupadas apenas por Cuca Roseta. A fadista tem-se mostrado um pouco contida na forma como avalia os concorrentes, mas ainda assim não deixa de ser uma boa aquisição para o programa, pois o público tem uma grande empatia por si.

Got Talent Portugal foi vice-líder na primeira emissão e tem tudo para subir nas próximas semanas, devido também ao final de Agarra a Música na SIC, que vai abrir alguma margem à RTP1. Será que o formato ainda tem muitos botões dourados por distribuir em Portugal? Resta-nos esperar para ver.

 Segunda Opinião -  79ª Edição
Uma rubrica em parceria com o Diário da TV

Sem comentários